domingo, 3 de abril de 2011

Mas tudo está bem agora. Eu digo!!!


"Mas tudo está bem agora, eu digo: agora. Houve uma mudança de planos e eu me sinto incrivelmente leve e feliz. Descobri tantas coisas. Tantas, tantas. Existe tanta coisa mais importante nessa vida que sofrer por amor. Que viver um amor. Tantos amigos. Tantos lugares. Tantas frases e livros e sentidos. Tantas pessoas novas. Indo. Vindo. Tenho só um mundo pela frente. E olhe pra ele. Olhe o mundo! É tão pequeno diante de tudo o que sinto. Sofrer dói. Dói e não é pouco. Mas faz um bem danado depois que passa. Descobri, ou melhor, aceitei: eu nunca vou esquecer o amor da minha vida. Nunca. Mas agora, com sua licença. Não dá mais para ocupar o mesmo espaço. Meu tempo não se mede em relógios. E a vida lá fora, me chama!"



(Fernanda Mello)

segunda-feira, 7 de março de 2011

Eeeee foi então que resolvi falar de você….


Tanta coisa passou, tanta coisa voltou e tanta coisa restou. Do mesmo jeito, você continua aqui. Não da mesma forma que antes, claro, hoje somos diferentes, seguimos nossas estradas e sinto que foi a coisa certa. Minha estrada às vezes esburacada, o que me dá mais desejo de ir em frente. Eu me testo com desafios,  mesmo as vezes não gostando do sabor que eles têm. Sua estrada prometia algo brilhante, mas lá ao longe, eu não conseguia ver. Enquanto você esperava esse “algo” chegar, seguia seu caminho por intuição, “pisando em ovos”. O paralelo que insisto em fazer entre nós, veja bem, não é por mal. É minha mania de querer analisar tudo, cada ato desmedido, cada pensamento do ser humano, por mais difícil e errôneo que possa ser.
  Eu poderia me odiar por ainda ousar falar em você, mas o que sinto agora está muito mais seguro de si. Encaro as coisas com uma naturalidade que em um passado remoto eu não achei ser possível. Não é uma fraqueza minha, acredite. É só que quando achamos que nada mais pode ser dito, encontramos ou descobrimos algo novo, que se modifica de acordo com nossa forma de sentir. Só quero escrever displicentemente sobre você, posso?
  Você é cheio de sonhos (ainda, aposto). Sempre foi. Vive em um mundo onde tudo é possível e com o aparecer das dificuldades, o seu bordão é “vamos dar um jeito”. Não, não vamos dar um jeito, não demos um jeito; você não mais se esforça para isso. Não é uma crítica, querido, mesmo que pareça.
  Eu era os seus pés. Você era como aquelas crianças que passeiam com seus balões cheios de ar e por pouco não se deixam levar pelos mesmos. Meu dever era te fincar ao chão, para que o vento não te tomasse e, posteriormente, você não caísse lá de cima e sofresse danos terríveis.
  A hora que meus pés quiseram trilhar seus próprios caminhos chegou, e fui obrigada a te deixar para trás. Você e seus tantos sonhos que eu sabia que não se realizariam. Não sei se só por falta de empenho seu (ou de ambos?), mas por uma força maior sobre a qual não temos controle. O destino. De qualquer forma, me cansei de estar sempre ali, te guiando, te freando, tendo que ver você se esvaindo e perdendo-se em seus sentimentos e sonhos e dúvidas sem poder fazer nada.
  Minha vida hoje não é e nunca será como aquela dos livros. Gosto de tudo que é real, instantâneo e nada abstrato para estar ao meu lado. Você, por outro lado, tomou rumos que desconheço ou talvez tenha tomado os rumos já previstos por mim. Quem irá saber? Comigo, ainda permanece uma pequena curiosidade de saber o que se fez de você ou o que fizeram de você (o que acho mais provável, tal assustadora era sua maleabilidade).
  Não vou dizer que estou triste, lamentando nossos rumos. Digo que essa fase já passou. Talvez eu não tenha que dizer nada, mas ainda assim prefiro. Eu só sinto. Não sei o que; quem sabe um vácuo? Um vácuo, propriamente dito, porque não há exatamente nada aqui. E o incrível é que há exatamente tudo. Há ausência de sentimento, de compaixão, de raiva, de carinho. Ah, sim, talvez seja indiferença.
  Não te quero mal, não mesmo. Desejo-lhe sorte, para o que quer que a vida lhe reserve. Quero dizer que... bem, eu já não sei mais o que dizer.


PS: Queria aproveitar pra dizer que foi mal por te deixado aqui “as moscas” esses últimos dias... É que não tenho sentindo vontade  alguma de voltar a escrever aqui... =/ ... Aah, e brigada pelas msg no form, orkut, msn e etc pedido pra eu voltar a escrever rsrs geente eu fico besta e feliz, pelo carinho d vcs \o/... viu!!
Booom ...por onde andei?? Andei por aí, tentando me desligar de tudo q me leva aos meus lugares que hj são “lugares proibidos” rs
Vou deixa a trilha sonora que tem me acompanhado nos últimos loongos diaaas... q tem sido +ou-  assim... Hermanos, cigarros, cafés, bebidas,  e  madrugadas (...)
los hermanos

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Re- post ( amigos (...) )

Senhor anônimo, não entendi seu comentário, mas fiquei curiosa. Me explica?

:)

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Amigos (…)

Só me escute, por favor. Talvez algum dia eu consiga entrar no meu carro acender um cigarro ouvindo hermanos e não pensar em você. Acontece que nessa loucura de tentar esquecer vc tem sido difícil, porque o sentimento não é uma frase escrita em uma folha de papel a lápis  que a qualquer momento você pode pegar uma borracha e apagá-lo . É impossível esquecer o que te faz bem, é impossível principalmente porque eu te amo e mais ainda, porque eu não desejo te esquecer. É tão engraçado alimentar um amor sem esperanças, unilateral. Cansa.


Sabe, moço, eu entrego as pontas. Desisto. E dói tal qual uma bofetada, que há dias venho pensando em como eu me sinto, e como eu me sentiria ao tentar arrancar esse sentimento que está enraizado aqui dentro. Mas, sabe, é tão necessário. Porque o meu pensamento fica sintonizado em você 24 horas e tudo o que eu penso e faço você está, indiretamente ligado. Eu só penso, respiro e vivo você e se eu soubesse que haveria possibilidades eu continuaria. Mas hoje, sabe...eu vejo que não.

E para preservar o que eu tenho, ou imagino que tenho, eu paro aqui. Sem atravessar a ponte, ou melhor, sem chegar ao final dela. Porque há tempos eu fiquei parada lá, chegando, chegando. E escrever isso me dói tão profundamente que eu paro aqui.


           
Ele: Por que?
Ela: Para sair do caminho.
Ele: Que caminho?
Ela: O teu.
Ele: Cansaste de andar ao meu lado?

Ela: Não, cansei de andar sozinha.



terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Você atrai o que transmite

Como diz o trechinho de um texto de Chaplin: “bom mesmo é ir a luta com determinação, abraçar a vida e viver com paixão, perder com classe e vencer com ousadia, porq o mundo pertence a quem se atreve e a vida é muito para ser insignificante!”

E a vida é muito mesmo! Não vale a pena ficar parado e esperar acontecer. Deixar rolar. Não! Sei q é completamente contraditório ao post passado, mas – uma coisa eu posso realmente afirma – eu não tenho cabeça dura e teimo sempre na mesma teoria. Eu sei mudar meu modo de ver as coisas, de sentir e de agir. E ficar parado, deixa rolar... Não vale nada e não se chega a lugar nenhum.

O meu caminho da felicidade depende unicamente de mim: - eu quero! Eu vou! Eu posso! Se eu não fizer por mim, ninguém vai fazer. Deixei a maré de má sorte pra trás. Aquilo que não aconteceu, não aconteceu por que não era pra acontecer. Ficar me lastimando por isso não leva a nada, ops, ate leva: rugas.

Dane-se o mundo! Eu vou fazer o que eu acho que devo fazer pra ser feliz. O orgulho não leva a nada e alguém sempre tem que ceder. Agora eu vou arriscar. Pisar em ovos. Correr atrás das borboletas por perto pra ver que tem um jardim novo. Negocio é por uma flor na cabeça. E correr com ela pra cima e pra baixo atrás de todas as borboletas que eu quero pra mim.

Ser feliz, não ter medo de se expor ao ridículo, falar sozinha, dar risada dos tropeços e erros. “Olhar no espelho e rir da tua cara” TU TÁ COM MAIOR CARA DE PALHAÇA HJ!” e rir. MUITO!

Fica pra cima e atrair coisas positivas. Quanto mais feliz eu to, mais feliz eu fico. E menos tempo eu perco.

“os seus problemas vc deve esquecer, isso é viver, é aprender”!

sábado, 12 de fevereiro de 2011

....

 
E a vida continua ...Eu não vou dizer que assim é ou foi melhor, mas a condição de fazer mal sem intenção também me faz mal. Não vou dizer que eu estou feliz, mas sei que assim talvez você se sinta melhor. Foram poucos os meses, mas muitos foram os dias e momentos que me fizeram dar boas risadas e que me fizeram ver a vida por um outro ângulo. Quebrou meus preconceitos, trouxe alegria para os meus dias. Já pedi inúmeras desculpas por ser o que eu sou, por ter idéias e conceitos talvez distantes dos seus, por não ter mudado, por talvez eu ter errado muito, mas eu sei, eu sei que eu estou errada e eu não vou insistir que você aceite ou finja que isso não é nada demais. Agradeço acima de tudo pela amizade incondicional, pelo carinho e o amor que eu recebi, pela paciência e pelo silêncio. Talvez eu mesma não estivesse pronta pra receber tanto, porque o que eu tinha era muito pouco, muito pouco pra retribuir. Obrigada por tudo.

Tá guardado, marcado
.

sábado, 5 de fevereiro de 2011

"Foi o tempo que eu perdi com a minha rosa."


(...) que si tornou tão importante para mim. E não, não encaro como perca de tempo. As pessoas costumam se lamentar a cada término de relacionamento, esquecendo-se dos momentos que valeram a pena. A beleza do relacionamento não termina com fim da relação, entende? O que quero dizer é que os momentos bons não se apagam, o que foi bom permanece na memória, nas lembranças, mesmo que muitas vezes sejam doloridas "revivê-las". Não estou em um momento deprê, pelo contrário, é reflexivo. Porque muitas vezes eu praguejei contra as pessoas que já passaram pela minha vida, dizendo que foram um erro, a pior coisa que aconteceu, mas cada um que passa deixa algum ensinamento, nos ajuda a amadurecer. Dias atrás conversava com minha amiga (Samara Oliver) sobre o namoro em si e acredito piamente que ele pode ser comparado a uma planta, se você rega, cuida com certeza ela continuará ali, viva e forte, mas quando você se desleixa ela morre.

Com alguns relacionamentos eu aprendi que brigas e ciúmes desnecessários desgastam qualquer relação. Ninguém precisa saber que existe algum descontentamento entre vocês. As pessoas esquecem que cada um tem um gênio, que para alguns a independência é necessária e que ultrapassar limites dói bem mais que bofetadas. E a cada relacionamento você vai compreendendo que a beleza, que Vinícius de Moraes dizia ser fundamental, não é tão fundamental assim. Porque não adianta você ter uma beleza descomunal e ser uma pessoa difícil de lidar, explosiva, dinamite pura. Há quem goste, mas nem todos - eu, por exemplo, estou ou “estava” dentro dessa estatística. Na verdade, não sei o motivo de escrever isso, queria mesmo era escrever algo bonito sobre coisas interessantes, tenho um monte de coisa pra escrever, que hj quando sentei aqui nem sabia como começar, mas me veio em mente isso: o fim. Talvez porque eu tenha decidido ser uma boa menina, paciente e compreensiva. Tenha notado que havia perdido todos os meus limites e ficado com medo disso, de mim, das minhas atitudes, reações. Talvez eu tenha escrito isso para eu mesma ler e enfiar na cabeça. Talvez eu tenha magoado e a princípio não tenha me arrependido. Talvez eu tenha errado demais esses tempos e tenha perdido completamente o controle da minha vida. Talvez eu devesse ter freado enquanto era tempo.

Mas tudo é talvez.


(...) Os homens esqueceram essa verdade, disse a raposa. Mas tu não a deves esquecer. Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas. Tu és responsável pela rosa...

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Só por falar...

Hj depois de mais um dia de rotina cheguei em casa e percebi que já não tenho mais sonhos pra estampar noite adentro. E é engraçado que eu tentei, de todas as formas possíveis, com todas as forças q me restava, pois roubaram a maioria delas antes mesmo q meu caminho si cruzasse no teu. E tudo foi uma bola d neve, sorvete de chocolate no verão do maranhão. Exagero. Mais não achei expressão melhor pra nos traduzir, salvo exagero. Impulso. Empolgação.

Não lamento o q passou e goooostei de tudo q vi. Vivi. Mas o sonho deixou d ser presente, e  hj o senti quando fechei os olhos e respirei lenta e calmamente. Aquele brilho ainda encontro no escuro dos teus olhos,  nas poucas noites q ainda durmo contigo na mente, nas minhas noites particular e sonho com o q foi e com o q eu queria q fosse. Um presente tão doce, com o leve amargo da saudade e cheiro de felicidade.  Aquela q transborda só no respirar. Ah queria ti mostrar como aprendi a gostar desse meu universo particular q vc sem querer ensinar e eu sem querer aprender aprendi a gostar, cheio de frases tão clichês q chega a me dar náuseas.
Me perdi, bem vejo,  por ter corrido por trilhas sinuosas e desejando algo q não me pertencia. E agora tento voltar atrás, tomando atalhos, a opção q me foi dada, mas q passei sem ver. Nem vi as cores, cega pela claridade q me vinha a frente. Impulsiva, quis arriscar, ver aonde ia parar e corri, deixando-me para traz. E, perdida, sinto falta de mim, da minha companhia sorridente e  de tantas outras q si foram, q se perderam comigo no caminho...

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Respondeeendoo...;***

Bom hj passei porq estou em dividas com algumas pessoas…
Estou devendo esse post pra algumas pessoas que tem me questionado e no final da pergunta sempre exclamam: " Neidy queria saber ser assim, como você. " [ Sim Arthur, também é pra você haha ] não existe segredos, nem mistério algum!
Pois então, a pergunta que me fazem com freqüência é como eu consigo não me abalar vendo e escutando tanta coisa. E me pergunto, Me abalar com o quê exatamente?
Com mais mentiras? Com cenas de mentira? Atitudes de mentira? Quem vive de mentiras não atinge quem aprendeu a ver tudo como uma farsa. Me treinaram assim. Mentira nenhuma me surpreende mais, por mais envolvente que seja a cena, e só balançarei a cabeça em concordância quando for de verdade. Se conseguir enxergar, a mudança no olhar, no jeito, aí sim talvez eu me abale. Talvez. Esperei por tantas verdades por tanto tempo, e durante essa espera fui julgada de tantas outras mentiras, inventadas, talvez isso tenha acontecido pra amenizar uma consciência amarrotada de cenas que provocavam um medo de que fosse recíproco, mas não eram, mas foi mais fácil apontar o dedo julgar pra frente do que se assumir. Por isso, eu não me abalo. Por isso eu estou feliz, por isso estou seguindo em frente e enxergando coisas lindas na minha vida, pessoas novas e ainda mais lindas. Tanta mentira não me manteve presa, e não me mantém. E quem acha que eu tenho fingido não eu não tenho, eu só não me abalo com coisas fictícias. q me atingir? Tenta ser de verdade.

Respondido? :)

Vou finalizar com  Martha Medeiros " Até onde podemos ir? Até o limite do suportável. Um belo dia, depois de inúmeras repetições do mesmo erro, a gente desiste. Com tristeza pela perda, mas com alegria pela descoberta, diz pra si mesmo: cheguei até aqui. E, então, a vida muda."

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

  " Não desperdice sentimentos " meu conselho ainda é o mesmo. (Mesmo quebrando a cara vez em quando)
Guardar, joga fora, tenta esconder o que sente, é um erro.
Você gosta? Se importa?  tem vontades? Corre atrás, dá a cara a tapa, se joga... Deu errado? Você fez sua parte, não vai ter do que se arrepender depois. Pior q qualquer frustração é uma eterna duvida de como teria sido, creio eu. 
Foram errados com você? se não quiseram ou não souberam aproveitar o que você tinha de melhor, isso já não é problema seu, se reinventa e segue em frente! Eu me reinventei e conheci uma pessoa que me fez enxergar tudo de um jeito tão mais bonito, me fez enxergar que eu poderia ter muito mais do que eu esperava, que eu sou mais do que acreditava ser. Graças ao que ele me mostrou, eu não vou mais cometer os mesmos erros, não vou ficar parada esperando por quem não me enxerga de verdade. Me fez rir, me deixou ser quem eu sou, não me fez cobranças e me devolveu uma felicidade boba todas as manhãs. Hoje acredito que nada acontece por acaso. Estive nos lugares que deveria estar na hora certa, talvez até o meu erro tenha sido bom, talvez esse seja o alinhamento das coisas, não é? O tempo faz a gente enxergar, ensina e amadurece. Não foi por acaso... Eu precisava conhecer você, você precisava me conhecer... temos nossas histórias, pensamos que talvez elas pudessem ficar lá atrás, mas histórias mal acabadas não morrem.
O acaso  me trouxe um novo amor, me trouxe uma pessoa linda a quem posso chamar de amigo hoje, e sei que ele também me vê assim, isso pra mim basta. E como basta... eu agradeço por tudo.
E eu vou continuando na inércia, seguindo meu próprio conselho, dando minha cara a tapa (como sempre fiz) quantas vezes for preciso, porque eu não to aqui pra me enganar, pra dizer a mim mesma que vai passar - não vai! Eu preciso gastar até o fim isso que eu sinto e aí estar pronta pra reinventar esses sentimentos. Não espero que seja recíproco, nem todo mundo consegue enxergar a vida além do próximo final de semana ou feriado. Mas hoje eu aprendi a ser livre das esperas, das cobranças... o que tiver que ser meu, será... Não importa quando, nem onde... deixa fluir.


  ps: te desejo coisas lindas, como sempre.

domingo, 9 de janeiro de 2011

coisinhas d irmã;*

- Neeidy, se eu te contar uma coisa você não vai ficar brava?
- Tá. O quê?
- Eu leio seus registros de conversa do msn. Você sempre esquece de apagar.
- =O
Passa-se 1 minuto...

- Neew, se eu te contar uma coisa, você não vai ficar brava?
- Tá. O quê?
- Eu pego o seu celular escondido pra ler todas as suas sms.
- =O
- Adoro.

(...)

- Neeeeeidy, deixa eu usar seu computador, por favor? Dá licença rapidinho, é urgente.
- Não.
- Nem se eu te der 15 reais + 2 chicletes por meia hora de uso?
- Você está me oferecendo propina?
- Sim.
- Até parece que você me daria 15 reais por isso...
* tira 15 reais e 2 chicletes do bolso*
- Tá, tá bom, eu aceito.

Passa-se meia hora ... Minha mãe chega

- New, por acaso você já entregou os 15 reais que veio com a roupa da lavanderia que a sua irmã esqueceu no bolso da calça?
- Ah, então os 15 reais já eram meus por direito?
- Tchau gente, tô indo nessa, beijos me liga...
- NIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIWW, volta aqui a-g-o-r-aaaaa.


ah, como é lindo o amor fraterno *-*

sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

[ Post sujeito a mudanças]

Boom! correria correria e correria heheh
Daqui algumas horas estaremos em 2011, e enquanto me arrumo vou aproveitar pra escrever \o/ hehehe
  Sei la... e eu costumo me sentir um pouco triste quando esse dia chega, mesmo sem motivos eu me sinto assim, não conto pra ninguém... Mas eu penso que todas as coisas que aconteceram esse ano ficarão pra trás, vão ser apenas lembranças... Tudo bem, um novo ano se inicia, e acontece tudo de novo... Mas não sei, é como virar a página, e eu não queria deixar 2010 morrer assim, não esse ano... não as coisas que aconteceram... é difícil entender, mas eu sinto que 2010 mudou muita coisa, e eu viveria tudo de novo!!!
O tempo passou voando, escapou pelos dedos e deixou uma sensação de algo incompleto, não sei explicar. Os planos de 2010 eu carrego comigo pro próximo ano, muitos sonhos não se concretizaram e ficaram pendentes.


O ano de 2010 finaliza então com algumas decepções, ilusões, saudade, mas antes de tudo isso, finaliza com a certeza de dever cumprido. Nada por dizer, nada por fazer!
E em 2011 tentarei gostar só de quem gostar de mim, ter ao meu lado só quem me quer bem, ser mais justa comigo mesma e perceber o valor que tenho. Aceitar que no mundo existem pessoas falsas, invejosas, e que remoer essas dores só piora nosso espírito. Não quero em 2011 as decepções de 2010, desejo renovação e que tudo seja ainda melhor.
Desejo reforçar as novas amizades, desejo encontrar uma pessoa que seja boa pra mim, saúde, paz e um pouco mais de dinheiro!

2010 foi um ano incrível, não posso negar. Mas espero que 2011 seja ainda melhor.

2010 foi:

Melhor carnaval, melhor namorado, melhor turma, melhores amigos, melhores baladas, melhor viagem, melhor trabalho, melhores descobertas, melhor natal, melhor liberdade, melhores bares, melhor mãe, melhor papi, melhores quintas, melhores aprendizados, melhor sentimento.
Pior saudade, pior decepção, pior ilusão, pior ausência, pior vontade, pior fracasso, piores notas, piores cabelos, pior ciúme, pior desânimo, piores porres, piores noites de sexta, pior espera, pior falsidade, pior sentimento.

MEU DEUS! ACONTECERAM MUITAS COISAS ESSE ANO! Tantas pessoas, tantas histórias, tantas confusões, tantas risadas e tantos choros...

[...]

Repito sempre: " Que seja doce ". Que venha 2011, então!


Então agora é ano novo de novo ... deixa eu ir q a noite vai começar, hj a festa é nossa \o/...  

 Então feliz 2011 pra todo mundo!!


Ps: a “vc” q me ensinou a  gostar de escrever aquii, o meu feliz 2011 pra vc é em tom auto é em negrito! Faltou vc aqui !!!  “ti amo” e d hoje ate enquanto existir amor vou dizer “ti amo”...

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

.... retrospectiva 2010...

fechei pra balanço hoje hehehe...Me sinto de ressaca... e não, eu não bebi. Enfim... lá vou eu fazer um balanço de mais um ano, um ano que simplesmente escapou pelos nossos dedos! Incrível...2010, sem dúvidas, um ano pra guardar na memória, com gosto de felicidade e de arrependimento. Um ano com tantos altos e baixos que começar esse post foi complicado, precisei ouvir as músicas que mais machucavam lá no fundo e as que me faziam lembrar dos melhores momentos. Acho que nunca imaginei que cresceria tanto em 365 dias, mesmo agindo como uma garotinha sem juízo, mas ninguém precisa enxergar minhas medidas, eu sei o quanto mudei por dentro.
Morri de saudade da minha turma de tecnicas da M1 de enfermagem, mas 2010 foi o ano que entrei pra faculdade, que conheci pessoas de todas as idades, ano que comecei a me preocupar com novas responsabilidades, e foi na faculdade que conheci as 4 garotas que fizeram meus dias aceitáveis, mesmo depois de noites horríveis, elas roubaram as gargalhadas mais sinceras que eu poderia entregar. Não importava o tamanho que eram os meus olhos às 7:40... digo, 8:30 da manhã, elas fizeram a diferença. E eu agradeço muito a vocês, Samara Oliver, você foi essencial nesse ano. Eu amo você. E peço desculpa por todas as brigas e coisas ditas nesse ano. Você merece coisas lindas, e muita felicidade. Porque você está entre as melhores pessoas que eu já conheci. Wirla pra quem não senso de dizer q é “linda linda linda” com quem me diverti e aprendi ao mesmo tempo e q tbm foi responsável por 50% das risadas esse ano,  Ana Paula. eu ficaria muito tempo aqui escrevendo sobre você, eu te amo maletinha, pitiguetii... Cintia, eu teria muito o que falar de você tb! uma garota linda, e incrível! Amo vc de graça. " Maioneese, ele me bate, bate feito maionesee!!! " Vocês têm gosto de felicidade.

No primeiro mês desse ano, exatamente no 12º dia, eu escutei a frase que encaminharia todos os acontecimentos desse ano, que eu nem sequer poderia imaginar onde me levaria. E me trouxe aqui. Eu nunca havia parado pra analisar todos os males que causei pra algumas pessoas, mas você me fez sentir na pele. Me fez pensar “Nossa, mas eu já fiz isso um dia!” e eu me dei conta que era preciso mudar, e eu mudei. Eu nunca mais vou repetir meus erros do passado, porque você me mostrou que dói! Que marca! Foram muitas noites horríveis, de brigas, de mal entendidos, muita voz alta, e pití do lado de cá, mas você também me trouxe coisas boas, afinal... Dei a cara a tapa. Não é? Me trouxe pessoas que estavam distantes, trouxe crescimento (mesmo não parecendo), trouxe muuuitas alegrias, companhia, me ensinou o  melhor jeito de gostar, me deu o maior abraço do mundo que me fazia ser minúscula, me trouxe direção. Eu seria muito hipócrita se excluísse você desse post, afinal, fez parte de mais de 90% desse ano. Desculpa por todo mal que lhe fiz, por todas as vezes que perdi a cabeça, por ter sido cruel quando a única coisa que você precisava era paciência, desculpa por não ser uma boa lembrança de 2010. Mas eu agradeço muito tudo o que você me proporcionou, até os momentos ruins, eles abriram um olhar que eu não tinha antes, eu agradeço por você ter feito parte de 2010, como uma pessoa especial,
Victor Gautama. Você tem gosto de arrependimento, mas também de felicidade. Eu agradeço por todas as noites mal dormidas, pelas conversas e pela companhia. Desculpa por tudo que eu já disse, fiz ou deixei de fazer, e se eu errei tanto, foi porque eu amo você de verdade e sinto saudade. Apesar de todos os desencontros, brigas e desentendimentos, 2010 foi o ano em que nos aproximamos mais q os outros, e que eu descobri em você um grande amigo e que todas as lembranças e momentos vividos nesse ano, nunca se percam, nunca sejam deixados lá no passado... Porque foram lindos e importantes. Que em 2011 tudo volte ao seu lugar e que a nossa amizade possa então crescer e se fortalecer. Você é importante.
 " É você, que faz meu coração bater a mais de mil. Literalmente ".

E então... a minha vida mudou da noite pro dia! Um dia eu acordei e me vi sozinha... Eu disse sozinha? Não... Nessa altura do campeonato, quando eu não esperava mais nada de 2010, quando eu acreditava ter acontecido de tudo... me surge então MaH’h. Então todos os meus conceitos e preconceitos foram colocados em jogo. E mais uma vez, alguém veio e mudou todo o meu modo de pensar e ver as coisas, e eu sou grata por isso. Mesmo levando na brincadeira todo esse nosso amor, eu mudei e não consigo mais ser a mesma. porq eu sei q é amoor

E em meio há tantos dias terríveis, tanta confusão, eu ainda tive pessoas lindas do meu lado. Tive tantos ombros pra me apoiar, tanto colo pra chorar, que seria injusto não falar de cada um individualmente. Foram muitas noites dançando, muitos dias de porre, algumas vezes no hospital, muita sckol... Muitos dias maravilhosos. Eu não sei dizer como seria levar tanta coisa nas costas sem vocês, eu não sei viver sozinha, e vocês ocupam cada um, do próprio jeito, minhas lacunas, meus vazios, jogam pro lado minhas tristezas, não me dão espaço pra pensar em coisas ruins, e são merecedores do meu sorriso que não morre. Estão comigo, sem interesse, sem julgamentos, me entendem e me dão um chão que muitas vezes pensei ter perdido. Eu não seria nada sem vocês. New Batista, parabéns por fazer isso de mim... Ti resumo em duas palavras MINHA METADE. Enxergo-me completamente em vc, a única capaz de m conhecer por dentro e por fora, que me faz ri com as piores piadas que existem, alguém que não liga pro meu mau-humor, que cativou todos os meus amigos, a doindinha das pernas, parceira de dança,(a única q consegui me guiar) responsável pelos meus dias ser mais alegres e nada normal, te agradeço por isso. jeff, incrível como eu me sinto feliz com você. Jô, tâmara, Fabio, Nathan, Walkinho, adilla, Barbara e toda a galera do piu piu, nada seria igual sem vocês, motivo das minhas risadas. Netinho Rios meu visinho mas chato que sempre ta presente.. vc tbm tem um espaço grande no meu coração.Jean Carlos obrigada pelo carinho e pelas mensagens! Ronnie Horebe você  tbm é minha meta pra 2011, ainda existe uma distância enorme entre a gente, mas vamos lá!! Samay Batista, meu anjo, uma pena não termos mais nossos sábados e domingo de técnicas de enfermagem malucas, (nunca vou esquecer como éramos ruins de veia hehe), você faz falta. A galera da M1 de enfermagem, eu só tenho mesmo que agradecer e dizer que eu amo cada um de jeitos diferentes, mas que estão todos guardados!! Em especial a Marleide nosso primeiro parto normal HEHEHE jamais esquecerei (loucura loucura)
aos nossos plantões malucos eu só tenho a dizer: VOU LEVAR PRA VIDA TODA!
 V.L Vitoria no geral pra galera da igreja, cachaceiros, roleseros, viagem e fins de tarde na casa da  Lu eu só tenho a dizer: MAAAAAAAIS PELO AMOR DE DEUS!!!!

o pouquinho tempo de 2010 q  estive com as garotas mais lindas e incríveis desse mundo,
Dalila & Bia, vocês foram e sempre serão as melhores, não existe nada como os dias em que ficamos até de manhã tirando fotos, falando besteira, comendo empanados com toody  ou até mesmo brigando na cozinha... Em especial, a Dalila... Que é a que eu mais sinto falta, mais me preocupo, mas me identifico e tenho medo de perder. Você é simplesmente minha melhor versão. 
Lili Minha melhor confidente, melhor amiga. Eu amo você demais e eu desejo que em 2011 você esteja mais presente,  mais minha, como sempre foi! Haha! Brigada por ser esse anjo na minha vida...
Arthur Amaral ... dos meus pití so vc entende kkk te reencontrar foi um dos maiores presentes... amo vc!
Gil vc foi um dos presentes mais bonitos que ganhei em 2010, as melhores farras, risadas, os melhores caldos, os melhores cafés  hehe foi com vc! Brigada por todo esse carinho.. brigada por ter aturado meus porres falando “NELE” RSRS vc é eterno...
Fernando Lazaro meu intelectual, e Pablo Eduardo o que me assusta com os papos de...  (haha) eu amo você demais!!Pedro Lucca Turini (Twist) você é a prova q o amor nunca acaba... Obrigada por tudo, obrigada pelos anos que passei com você, pelos momentos felizes, pelos tantos gestos de carinho, amor, felicidade, enfim obrigada por ser o meu GRANDE AMIGO, vc sempre será minha estrela guia, onde quer qe eu esteja! MEU GRANDE AMIGO, digo e repito! " Houve um tempo em que tudo girava ao meu redor, dos meus desejos e vontades. "
Junior Micali vc é a prova q “a quebra de bambolê” não destrói uma amizade, eu sei q cada um foi pro seu lado  e segui suas vidas... mais o carinho ficou pra sempre;*
 
Kiko Lemos, Lupo, Maciel, David, Drii, Maria Helena, aprendiz e tantos outros  vcs tbm fazem parte do meu show...meus melhores blogueiros \o/ Jess
2011 também nãosvai ser um ano fácil pra nós dois...mais concerteza vai ser divertido como sempre!! Conto ctg!!
Johny carvalho (conseqüência boa hehe) é incrível como mesmo com a distância  pode si  fortalecer laços entre as pessoas né? Você que sempre ausente esteve presente,  que sempre se preocupou e me deu a mão quando eu me senti perdida. Eu amo você com todo o meu coração... papi e mami, meu reflexo, minha vida e meu futuro! Eu tenho que pedir desculpas pelas brigas desse ano, aquelas que irão se repetir em 2011, eu sei, mas eu peço desculpas pelas de 2010 e agradeço por muita coisa ter mudado na nossa relação, pela nossa amizade que cresceu e se tornou saudável... eu amo vocês mais que a qualquer outra pessoa nesse mundo.... Vocês são tantos, e eu só tenho a agradecer por tudo, pelas broncas, pelas tardes e noites perfeitas, pelas histórias inacreditáveis ( no caso de alguns haha ) vocês têm mais que gosto de felicidade!! " Do lado de cá, tem música, amigos, e alguém para amar. "

Me perdi de muita gente em 2010, não sei bem o motivo, mas em nenhum dos dias deixei de ter amor por vocês, senti falta, procurei mesmo sabendo que estava errada, e continuo errada, porque deixei vocês se afastarem. Sinto saudade, e acredito que o pouco em que estiveram presentes nos meus dias, foram presenças sinceras. Eu amo vocês e agradeço, mesmo com a distância, por vocês insistirem em mim...
Aretas! Lydia. Luiza, Jozivan e Gaby,   nos encontramos pouquíssimos, mas todos os momentos que conseguimos nos reunir, foi mágico. Todas as confissões, confusões e surpresas. Eu sinto uma falta enorme de estarmos todos juntos, mas eu sei que nosso amor resiste há anos e não tem distância que me faça esquecer de vocês. Eu amo cada um.Narryman, repito todas essas coisas pra você, e mesmo não acreditando... eu te amo nega. E torço muito por você... E sempre estarei aqui pro que der e vier!
galera da Shalon  aquela paz que encontrei com vcs, só com vcs ela é possível!

Henrique Haquinen, nossos cafés da manha na faculdade não tem preço \o/você é meu lindo. haha! Meu chodózinho! Eu amo você demais, e 2011 vai ser o ano de mudanças na sua vida, e eu pretendo e desejo muito acompanhar isso com você, sempre estar ao seu lado e dar aquela ajudinha básica quando você precisar. Nunca se perca de mim, porque você tem sido essencial na minha vida. Wanderlleia Falcão as melhores noites e noitadas de 2010 farão com vc, te amo nega e sinto saudade.
E no finalzinho do ano, quando eu achava que já tinha conhecido todos os tipos de figura de pessoa, me surge Macello destruidor de velhos conceitos. Já disse e repito, eu gosto de você de graça! E 2010 fechou “com chave de ouro” com a amizade que criamos, e eu desejo mesmo que em 2011 ela só venha a crescer, porque eu também tenho aprendido muito com você. Obrigada por me fazer bem. Você já tem um lugar bem especial no meu coração. você trouxe felicidade. " As cores lá fora, me disseram pra continuar. “Elas me disseram pra continuar. E eu já superei "

Eu poderia falar tantas coisas de 2010... mas a verdade é que meu ano foi dividido em faculdade, amor, trampo e festa, festa, festaaa... E são de vocês que eu vou lembrar quando falar que 2010 foi um ano pra ser guardado com carinho. Errei muito, errei mais do que em todos os outros que vivi. Errei e me arrependo. Mas em 2010 também vivi intensamente, não perdi um sorriso, chorei com vontade, gritei muito alto, fiz loucuras, vivi histórinhas gostosas de contar na mesa do bar, fiz planos que não realizei, quebrei a cara - a minha e de mais alguém - , fiz barraco, senti vergonha, dancei dancei danceeeei, fui infeliz, sou feliz... quando 2011 estiver batendo na porta, e eu estiver me despedindo de 2010, vou chorar pela última vez por todos vocês, com alegria, saudade, agradecimento (como em todos os anos) e vou pedir, que em 2011 os laços se fortaleçam e que tudo venha em dobro. Viveria 2010 novamente, mudando algumas coisas, mas tudo o que aconteceu durante esse tempo me fez estar aqui de uma maneira diferente, o que garante que 2011 será um ano completamente diferente, com novas metas e direções.

Peço desculpa por ter esquecido o nome de algumas pessoas, porque eu sei que esqueci, desculpa por não fazer um post mais detalhado e bonitinho, mas acho que o sentimento dentro de cada um vai dar o valor merecido pros meus agradecimentos.

E que venha 2011 pra mudar tudo outra vez.


2010 foi fooooooooooodaaaaaaaaaaa, que venha 2011, então.

sábado, 18 de dezembro de 2010

Mimos pra mim!

          Correria e cansaço. É assim que tá minha vida. Mais nada a reclamar, afinal hj é sábado. E por sinal um sábado só MEU! Hahahaha.  E não poderia deixar de vim aqui hj postar todos os mimos que tenho ganhado :D
queria agradecer a galera toda q ta sempre por aqui, em especial o meu queridíssimo Kiko Lemos,(Desventuras Inimagináveis), q me encheu de selinhos essa semana \o/ KIko amor OBRIGADA! Dri(Calma amor.......) valeu por lembrar de mim amei o selinho, Arthur Amaral, Jess Weber e a todos os blogueiros q tem me acompanhado... valew pelo carinho...



e esses vão para:


Bom vou encerrar a noite com chave de ouro com o Poema feito por Arthur Amaral  pra mim!
 Obrigada meu bem pelo seu carinho!

A princesa da minha história encantada,
A cinderela dos meus contos de fada
                                      Meu arco-íres, nesse mundo sem cor.
                                                  Quisera eu ser seu príncipe
                                                    E em meu cavalo te levar
No único intuito de te encantar
Mostrando a ti, todo o desejo que tenho de ti abraçar,
          Não um simples abraço amigo, mais que mostrasse o que sinto.
O que é muito mais que amizade,
É sim, é amor de verdade
Amor de homem pra mulher.
Que pena, não passa de um sonho
Pelo qual desse acordei,
E por esse amor de faz de contas,
Infelizmente já me entreguei.
 
  Boa noite, beijooos!

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

A vida tem dessas coisas né?

... Eu acho que o nosso amor pode fazer tudo aquilo que quisermos. É isso que te traz de volta pra mim o tempo todo..


Ontem enquanto esperava à hora do filme "tropa de elite II" no shopping depois da faculdade, aproveitei pra estourar meu cartão com comprinhas de natal e comer minha batata frita favorita... enquanto ouvia os Hermanos cantar " ultimo romance", eu pensei em você, (porq sempre vai lembrar vc) em como você sempre mantinha tudo nos trilhos – minha insanidade e minha mania de sempre querer tudo do meu jeito. Bateu tristeza, saudade e outras mil coisas que eu nem sei o nome, então "Tive uma vontade besta de voltar, algumas vezes. Mas é uma vontade semelhante à de não ter crescido" e antes que as lágrimas viessem aos meus olhos eu lembrei que mais que cinema, que compras no shopping, batata frita, hermanos, "ultimo romance", você foi e sempre será uma das melhores coisas do meu mundo – e sorri.

 "Na minha memória - tão congestionada - e no meu coração - tão cheio de marcas e poços - você ocupa um dos lugares mais bonitos". Caio F. sempre caio



...E cada vez que eu fujo, eu me aproximo mais
E te perder de vista assim é ruim demais
E é por isso que atravesso o teu futuro
E faço das lembranças um lugar seguro...
Não é que eu queira reviver nenhum passado
Nem revirar um sentimento revirado
Mas toda vez que eu procuro uma saída
Acabo entrando sem querer na tua vida...
                       quem de nós dois - ana carolina